IMPERATRIZ: OMT-MA REALIZA OFICINA SOBRE MERCADO DE TRABALHO

Em parceria com o LAEPCI/UFMA e o Sindcelma, evento discute mercado de trabalho e a questão do trabalhador florestal na região 

O OMT-MA (Observatório do Mercado de Trabalho no Maranhão) realiza no próximo dia 19 de outubro, às 17h30, oficina sobre mercado de trabalho em Imperatriz. O evento conta com a parceria do LAEPCI (Laboratório de Estudos e Pesquisa sobre Cidades e Imagem), da UFMA, e do Sindcelma (Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Celulose e Artefatos do Sul do Maranhão) e será realizado no auditório do campus da UFMA/Centro em Imperatriz.

Na ocasião, será feita uma breve apresentação dos estudos desenvolvidos pela equipe do OMT-MA entre 2016 e 2017, bem como do boletim sobre mercado de trabalho em Imperatriz. Logo em seguida, uma mesa redonda intitulada “Mercado de trabalho no campo maranhense e a questão do trabalho florestal” apontará as principais características e transformações recentes no mercado de trabalho agropecuário no Maranhão, com ênfase em estudos focados no trabalhador florestal bem como a reestruturação produtiva na colheita de eucalipto na Pré-Amazônia.

Participam do evento o coordenador geral do OMT-MA, prof. Dr. Marcelo Sampaio Carneiro, e o coordenador técnico, prof. Dr. Tadeu Teixeira, além de alunos, pesquisadores e bolsistas do observatório e da rede de pesquisa sobre o mercado de trabalho no Maranhão, como o prof. Jesus Marmanillo, da UFMA de Imperatriz, com sua equipe de alunos e professores envolvidos em atividades de pesquisa na região. A parceria com o Sindcelma, que será representado pelo seu presidente, Anthony Dantas, trará riqueza ao debate uma vez que propõe o diálogo da pesquisa junto às entidades representativas dos trabalhadores e movimentos sociais na região.

Mais informações e/ou interesses de entrevista, falar com Flávia Moura (21) 981046288 – coordenadora organizacional do OMT-MA.

O quê? Oficina OMT-MA em Imperatriz

Quando? 19 de outubro, às 17h30

Onde? Auditório Campus da UFMA em Imperatriz/Centro

Aberto ao público; não precisa de inscrição prévia.

PROGRAMAÇÃO

17:30 – Apresentação do OMT/UFMA

Prof. Dr. Tadeu Gomes Teixeira

17:50 – Apresentação do Boletim sobre mercado de trabalho de Imperatriz

Prof. Dr. Tadeu Gomes Teixeira

18:20 – Debate

19:00 – Mesa redonda sobre o mercado de trabalho no campo maranhense e a questão do trabalhador florestal.

– Principais características e transformações recentes no mercado de trabalho agropecuário no Maranhão

Prof. Dr. Marcelo Sampaio Carneiro

 – Características do processo de trabalho na atividade florestal na MRH de Imperatriz

Lia Renata Gomes

 – O trabalhador florestal e a reestruturação produtiva na colheita de eucalipto na Pré-Amazônia

Adriano da Costa Carvalho

20:00 – Debate

NOVA FISCALIZAÇÃO ELETRÔNICA DO TRÂNSITO JÁ ESTÁ FUNCIONANDO EM FASE DE TESTE

Até o dia 10 de novembro, os novos equipamentos de fiscalização eletrônica do trânsito na cidade estão funcionando em fase de teste. Instalados pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), os fotosenssores e barreiras eletrônicas cumprem um papel importante na organização do tráfego, pois contribuem para a redução dos índices de acidentes, conferindo maior segurança a condutores e pedestres. O novo sistema começou a ser testado no dia 10 de outubro.

Com os investimentos no sistema de fiscalização do trânsito, o principal objetivo do poder público municipal é coibir infrações como avanço de sinal vermelho e ultrapassagem do limite máximo de velocidade nas vias urbanas. A ação visa também contribuir para redução do número de acidentes de trânsito na cidade, protegendo, assim, a vida dos cidadãos.

O secretário municipal de Trânsito e Transporte, Canindé Barros, explica que esse período de testes é utilizado para ampliar o alcance das informações acerca do novo sistema. “O objetivo desse período de teste é fazer com que os condutores observem melhor as regras do trânsito, especialmente os limites de velocidades nos principais corredores da cidade. Durante essa fase, a proposta é intensificar a divulgação das informações e alertar os condutores”, ressalta o titular da SMTT.

EQUIPAMENTOS

Ao todo, 30 fotossensores encontram-se distribuídos nas avenidas Daniel de La Touche, Colares Moreira, Guajajaras, Santos Dumont, Lourenço Vieira da Silva, Marechal Castelo Branco, São Luís Rei de França e Carlos Cunha. Durante esse período de teste dos equipamentos, a multa não será computada em pontos na Carteira Nacional de Habitação ou taxa referente à norma de trânsito.

Após o período de teste, as infrações identificadas pelos equipamentos passam a ser consideradas e efetivamente computadas. “Por isso, durante esses 30 dias, estamos alertando os condutores para que estejam conscientes do início do funcionamento do novo sistema de fiscalização”, reforçou o titular da SMTT.

Com o novo sistema, o trânsito de São Luís passará a ser monitorado pela Central de Controle de Operações que funcionará integrada à Central de Controle do Transporte. O modelo, já utilizado no trânsito de outras cidades, permite uma fiscalização mais efetiva, pois usa imagens de câmeras instaladas nas vias para observar o cumprimento das normas de trânsito, como o uso do cinto de segurança, a utilização irregular da faixa de transporte, o uso de celular ao volante, dentre outras.

Foto: Mauricio Alexandre

DIFERENÇAS BRUTAIS: A RIQUEZA DE POUCOS NO BRASIL

Veja a reportagem de Marina Rossi (El País) sobre a concentração de poder e dinheiro no Brasil.

Em tempos de cortes no orçamento, desemprego, inflação e fome, a reportagem é uma reflexão sobre os sentidos do capitalismo.

No Brasil de ódio à esquerda e repúdio ao socialismo, a leitura serve de reflexão para as pessoas que são ardorosas defensoras do livre mercado como única narrativa possível no mundo. 

Veja abaixo:

Seis brasileiros concentram a mesma riqueza que a metade da população mais pobre

Estudo da Oxfam revela que os 5% mais ricos detêm mesma fatia de renda que outros 95% Mulheres ganharão como homens só em 2047, e os negros como os brancos em 2089.

MARINA ROSSI

São Paulo 25 SEP 2017 – 13:27 BRT

Jorge Paulo Lemann (AB Inbev), Joseph Safra (Banco Safra), Marcel Hermmann Telles (AB Inbev), Carlos Alberto Sicupira (AB Inbev), Eduardo Saverin (Facebook) e Ermirio Pereira de Moraes (Grupo Votorantim) são as seis pessoas mais ricas do Brasil. Eles concentram, juntos, a mesma riqueza que os 100 milhões mais pobres do país, ou seja, a metade da população brasileira (207,7 milhões). Estes seis bilionários, se gastassem um milhão de reais por dia, juntos, levariam 36 anos para esgotar o equivalente ao seu patrimônio. Foi o que revelou um estudo sobre desigualdade socialrealizado pela Oxfam

Quem são os seis brasileiros que possuem a mesma renda que a metade mais pobre do Brasil

Vergonha da desigualdade

Brasil despenca 19 posições em ranking de desigualdade social da ONU

Demissão após a maternidade: “Não cometi nenhum erro. Eu só gerei uma vida”

O engenheiro que quer transformar a periferia onde cresceu

O levantamento também revelou que os 5% mais ricos detêm a mesma fatia de renda que os demais 95% da população. Além disso, mostra que os super ricos (0,1% da população brasileira hoje) ganham em um mês o mesmo que uma pessoa que recebe um salário mínimo (937 reais) – cerca de 23% da população brasileira – ganharia trabalhando por 19 anos seguidos. Os dados também apontaram para a desigualdade de gênero e raça: mantida a tendência dos últimos 20 anos, mulheres ganharão o mesmo salário que homens em 2047, enquanto negros terão equiparação de renda com brancos somente em 2089.

Segundo Katia Maia, diretora executiva da Oxfam e coordenadora da pesquisa, o Brasil chegou a avançar rumo à correção da desigualdade nos últimos anos, por meio de programas sociais como o Bolsa Família, mas ainda está muito distante de ser um país que enfrenta a desigualdade como prioridade. Além disso, de acordo com ela, somente aumentar a inclusão dos mais pobres não resolve o problema. “Na base da pirâmide houve inclusão nos últimos anos, mas a questão é o topo”, diz. “Ampliar a base é importante, mas existe um limite. E se você não redistribui o que tem no topo, chega um momento em que não tem como ampliar a base”, explica.

Leia tudo aqui

MAIS DE DEZ MUSEUS ESTARÃO ABERTOS NO DIA DAS CRIANÇAS

Uma opção de lazer que alia conhecimento e diversão pode ser encontrada nesta quinta-feira, 12, Dia das Crianças, nos diversos espaços de cultura vinculados à Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur). Abertos a partir das 9h neste feriado, os museus oferecem uma ampla visão da produção maranhense no campo da sua arte, cultura e história.

Réplicas de dinossauros e espaço interativo

Curiosidades sobre dinossauros no Museu de Arqueologia

Um ótimo lugar para levar a criançada é o Centro de Pesquisa de História Natural e Arqueologia do Maranhão. Dividido em dois andares o Museu conta com a parte de Paleontologia, onde se encontram réplicas de dinossauros, fósseis e espécies da pré-história do Maranhão. O segundo andar conta com peças de cerâmicas, artefatos pré-coloniais, objetos de usos dos povos indígenas. Outra atração do local é o espaço interativo que utiliza diversos recursos tecnológicos para contar a história das etnias que originaram o povo maranhense.

História e Arte

Outro programa para levar a família e conhecer um pouco mais da história e cultura do Maranhão são os museus Histórico e Artístico, Arte Sacra, Palácio dos Leões e Convento das Mercês. São casas que oferecem  exposições e mostras permanentes apresentando ao visitante diversas coleções de mobiliário, pintura, escultura, documentos, fotografias e gravuras. 

Cultura popular

Convento das Mercês oferta arquitetura e História

Mais que um simples passeio, visitar as casas de cultura é um mergulho no universo rico das tradições. Espaços como Centro de Cultura Popular, Museu Casa de Nhozinho e Casa do Maranhão mantém um rico acervo das mais variadas expressões da cultura popular e da produção maranhense, nas suas formas peculiares de criar, de comer, de festejar e sonhar. 

Neste feriado o Museu Casa de Nhozinho acrescentou à sua grade de atividades o projeto “Brinquedos e brincadeiras populares: A arte de brincar no Maranhão”. Além de visitações à exposição permanente “Brinquedos populares no Maranhão”, serão realizadas atividades educativas com brinquedos e  brincadeiras antigas, contações de histórias, rodas de cantigas e cinema.

Forte Santo Antônio

A mais nova casa de cultura do Maranhão, o Forte Santo Antônio, próximo ao Espigão da Ponta D’areia, em São Luís, também é uma ótima opção de lazer neste feriado do dia das crianças. O espaço fica localizado num dos mais belos pontos turísticos da cidade.

No local o visitante pode conhecer o Museu de Embarcações e exposição com 18 tipos de embarcações tipicamente maranhenses por meio de maquetes que reproduzem em escala o original. Diferenciadas de outras pela originalidade de suas formas, as embarcações maranhenses tradicionais fazem parte do patrimônio cultural da cidade. Outra atração do Forte são os canhões originários da França e instalados no século XIX. Tanto os canhões como a estrutura original que sustentava o farol foram inteiramente restaurados.

Museu de Alcântara

No Museu Casa Histórica de Alcântara acontece uma programação especial no feriado. Contação de histórias, visitações e jogos culturais vão movimentar o dia das crianças. Outra atração será o ‘Circuito da Diversão’, com jogos da memória para estimular a concentração, jogos de adivinhação, jogos do balão, amarelinha e o jogo do pote que tem como finalidade estimular a percepção e avaliar a atenção da criança na visita pelo museu.

No museu Casa do Divino, também haverá contação de histórias para ampliar o imaginário da criançada. O espaço ainda oferecerá oficinas de desenho e um momento de interação envolvendo música e dança.

Veja a lista de museus que irão funcionar no feriado.

Centro de Pesquisa e Historia Natural e Arquelogia
Rua do Giz, 59, Praia Grande, São Luís 

Museu Histórico e Artístico do Maranhão
Rua do Sol, 302, Centro, São Luís

Convento das Mercês
Rua da Palma, 502 – Desterro, São Luís

Museu de Arte Sacra
Av. Pedro II, s/n, Centro, São Luís

Palácio dos Leões
Av. D. Pedro II, Centro, São Luís

Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho
Rua do Giz, 205/221 – Praia Grande, São Luís

Casa de Nhozinho
Rua Portugal, 185, Praia Grande, São Luís 

Casa do Maranhão
Rua do Trapiche, s/n Praia Grande – São Luís

Forte Santo Antônio
Espigão Costeiro da Ponta D’Areia

Museu Histórico de Alcântara
Praça da Matriz, Centro, Alcântara

Casa do Divino – Alcântara
Rua Grande, 88, Centro, Alcântara

TEATRO: COMPANHIA MIRAMUNDO APRESENTA “CAIS DA SAGRAÇÃO” , INSPIRADO NA OBRA DE JOSUÉ MONTELLO

Peça será apresentada às 15h para escolas
e às 20h para público em geral

Em outubro, o espetáculo Cais da Sagração, adaptação do livro homônimo de Josué Montello, será apresentado nos dias 17 e 18, às 15h para escolas e às 20h para público em geral, no Teatro Alcione Nazaré. Serão cobrados ingressos no valor de R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia), que poderão ser adquiridos na bilheteria do teatro ou através dos integrantes da Companhia Miramundo Produções.

Montado em 2012, a companhia foi premiada com o Edital São Luís em Cena. O espetáculo foi remontado com o objetivo de homenagear o centenário de aniversário do renomado escritor maranhense. Ao término do espetáculo, haverá um bate-papo com os atores e a diretora da companhia sobre o processo e a dramaturgia do espetáculo.

A adaptação faz parte do repertório da Companhia MiraMundo Produções Culturais. É interpretado pelos atores Carlos Costa, Diana Mattos, Jyesse Ferreira, Rickson Melo e Jura Mendes.

A adaptação do romance, direção, sonoplastia e cenografia são de Michelle Cabral. A iluminação é de Nina Araújo e a operação de luz de James Lopes. A contraregragem será realizada por Nanny Ribeiro. A produção executiva é da Mará Cult Produções, da produtora cultural Andressa Cabral e a trilha sonora original é de Alan Fonseca.

Enredo

Ambientada na década de quarenta, a história traz como personagem principal Mestre Severino, barqueiro que realiza o transporte de passageiros da cidade de Alcântara a São Luís. Em uma de suas viagens Mestre Severino conhece Vanju, mulher de vida fácil que sobrevive prostituindo-se no baixo meretrício, na região do Desterro, no Centro Histórico de São Luís. Apaixonado, Mestre Severino se entrega ao matrimônio e a partir desta união um mundo tão misterioso e profundo como o mar que banha a ilha de São Luís é apresentado ao público.

Duração: 60 minutos

Classificação: 14 anos

Ficha Técnica:

Espetáculo: Cais da Sagração

Autor: Josué Montello

Atores: Carlos Costa (Mestre Severino); Diana Mattos (Lourença); Jyesse Ferreira (Vanjur); Rickson Melo (Pedro) e Jura Mendes (Padre Dourado)

Adaptação e direção: Michelle Cabral 

Caracterização, adereços e figurinos: Jura Mendes

Trilha sonora original: Alan Fonseca

Iluminação: Nina Araújo

Sonoplasta: Michelle Cabral

Operador de iluminação: James Lopes

Contra regra: Nanny Ribeiro

Cenografia: Michelle Cabral

Produção Executiva: Mará Cult Produções

Assessoria de Comunicação: Andressa Cabral
Designer Gráfico: Viny B. Oliver

Serviço:

O quê: Espetáculo Cais da Sagração

Onde: Teatro Alcione Nazaré

Quando: 17 e 18 de outubro (terça e quarta-feira)

Horário: às 15h para escolas e às 20h para público em geral

*Os ingressos, no valor de R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia), serão vendidos na bilheteria do teatro e pela produção. Contato: (98) 98191-0384

MAIORIA PETISTA DEFENDE NOMEAÇÕES NO GOVERNO FLÁVIO DINO

Presidente do PT, Augusto Lobato, tenta costurar a unidade petista no governo Flávio Dino

Uma nota assinada por oito tendências internas do PT reitera a movimentação do partido para ampliar espaços no governo Flávio Dino (PCdoB).

A nota replica  o documento “Carta à Militância Petista do Maranhão”, assinado pela tendência CNB (Construindo o Novo Brasil), que se manifestou questionando o método usado na definição dos novos cargos ocupados pelo PT na administração estadual, sem debate coletivo no partido.

Foram nomeados recentemente Teresinha Fernandes para a Secretaria da Mulher e o delegado Lawrence Melo para a Agência de Mobilidade (MOB).

Segundo a nota da maioria petista, os novos espaços contemplam todas as forças internas, incluindo a corrente CNB (Construindo um Novo Brasil).

A nota expressa a composição de tendências que elegeu o presidente estadual Augusto Lobato, endossando o apoio do PT à reeleição de Flávio Dino, mas não sugere a participação do partido na chapa majoritária de 2018.

“O compromisso desse campo é o fortalecimento do PT com a renovação e ampliação das bancadas estadual e federal, construção da candidatura vitoriosa do companheiro Lula e da reeleição do companheiro Flávio Dino. Por isso, não defendemos candidatura própria, que só tende a colaborar com a estratégia sarneista de volta ao Palácio dos Leões. O momento que vivemos exige posição clara e firme para enfrentar golpistas e oligarquias”, afirma o documento.

Veja abaixo o texto integral

NOTA DA MAIORIA PETISTA

Prezados companheiras e companheiros do PT,

O Governador Flávio Dino, no uso de suas prerrogativas, convidou Teresinha Fernandes e Lawrence Melo para duas pastas estratégicas no combate à desigualdade social e de gênero e na promoção da mobilidade e acessibilidade. Esta decisão do governador decorre do esforço liderado pelo presidente estadual Augusto Lobato e demais forças que compõem esse novo momento da gestão partidária que buscam ampliar os espaços do PT no Governo Estadual e posicionar o PT no embate eleitoral de 2018.

O convite do governador contempla tanto o campo do Muda PT, do qual integra a Resistencia Petista, como o campo majoritário da CNB, representado pelo agrupamento Articulação Maranhão. No último encontro estadual, se formou uma nova maioria no PT, que representa 67% do partido e elegeu Lobato presidente do Diretório Regional, com a forte e decisiva participação da CNB/Articulação Maranhão.

O compromisso desse campo é o fortalecimento do PT com a renovação e ampliação das bancadas estadual e federal, construção da candidatura vitoriosa do companheiro Lula e da reeleição do companheiro Flávio Dino. Por isso, não defendemos candidatura própria, que só tende a colaborar com a estratégia sarneista de volta ao Palácio dos Leões. O momento que vivemos exige posição clara e firme para enfrentar golpistas e oligarquias.

Ademais, o advogado Salvio Dino retornou à militância do PT com os mesmos propósitos ora firmados e não teve qualquer ingerência sobre atos de indicação ou nomeação feitos pelo Partido ou pelo Governo, sendo inquestionável o seu compromisso ético, à vista de sua trajetória partidária e profissional.

Ao contrario do que afirma nota do agrupamento da CNB, do qual o deputado José Inácio é sua principal liderança, a participação do PT no Governo de Roseana Sarney decorreu de uma ação da direção nacional contra a decisão soberana do encontro estadual do PT que tinha aprovado a candidatura de Flavio Dino ao Governo do Estado e indicado Teresinha Fernandes à vice, numa chapa majoritária que reunia todas as condições de vitória.

A escolha dos secretários no governo Roseana não passou pelos fóruns do partido. Foi decisão dessa mesma CNB que, hoje, reclama da posição do presidente Augusto Lobato, que cumpre papel firme, partidário e focado no fortalecimento do PT e do campo democrático e popular no estado, cujo resultado tende a reposicionar o PT na construção da estratégia de 2018. Para tanto, é preciso fortalecer o PT na arena política do Estado. Certos de que a construção do protagonismo petista exigirá  firmeza ideológica e construção coletiva capazes de  não aceitar o retrocesso oligárquico no Maranhão,  renovamos a esperança na construção do socialismo. 

#ForaTemer 

#DiretasJá 

#NenhumDireitoaMenos

Assinam: 

Correntes políticas internas que asseguram nova maioria política no Partido. 

Articulação de Esquerda

Democracia Socialista

Articulação Maranhão 

Militância Socialista

Esquerda Popular Socialista

Reage PT

Mensagem ao Partido

Coletivo Piracema

EXPOSIÇÃO DE CRIANÇAS A CENAS DE VIOLÊNCIA E SEXO ESTARÁ EM DEBATE NO SEMINÁRIO SOBRE PRIMEIRA INFÂNCIA

A Agência de Notícias da Infância Matraca, em parceria com a Rede da Primeira Infância da Maranhão e apoio do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente do Maranhão (CEDCA-MA), irá realizar no dia 18 de outubro, das 08h às 12h, no Convento das Mercês, o seminário “Criança e mídia: Primeira Infância em destaque”.

Para o jornalista, consultor da Andi Comunicação e Educação e um dos palestrantes do evento, Adriano Guerra, “é importante destacar que em um momento como o que vivemos, quando os grupos conservadores e reacionários estão utilizando essas discussões da proteção da infância como argumento para ações moralistas e de censura, esses encontros são relevantes pois buscamos constituir políticas públicas que assegurem a proteção da criança contra a exposição na televisão, publicidade e telas.”

A inscrição é gratuita e as vagas são limitadas. As pessoas que participarem do seminário integralmente terão direito à declaração de participação. Para mais detalhes de como fazer as inscrições, basta acessar o link a seguir:

https://goo.gl/forms/jppkd6ng4nKtXgsy1 (exclusivo para profissionais e estudantes de Comunicação)

https://goo.gl/forms/kNrU6L92F1TdG5z43(para estudantes universitários e profissionais de áreas diversas (exceto Comunicação)

Programação:

8h às 8h20– Abertura

8h20 às 9h – Representações da criança na mídia: imagem e participação
Lissandra Leite: Jornalista e consultora do Unicef

9h às 9h40 – Quais os impactos da exposição de crianças a cenas de violência e sexo na mídia
Adriano Guerra – Jornalista e consultor da Andi Comunicação e Educação

9h40 às 9h55 – Intervalo

9h55 às 10h35 – A influência das novas tecnologias na primeira infância: entre a proteção e a inclusão
Fábio Cabral – Jornalista e coordenador do Instituto Formação

10h35 às 11h35 – Debate

11h35 às 12h – Considerações Finais

SERVIÇO:

O quê: Seminário “Criança e mídia: Primeira Infância em destaque”

Quando: 18 de outubro de 2017

Onde: Convento das Mercês

Contatos:   Silen Ribeiro 98896 6377, Priscila Gomes 98332 2402 e João Carlos Raposo 9 8896 6390

PT DE SARNEY VOLTA A ATACAR

Os petistas aliados a José Sarney, integrantes da tendência Construindo um Novo Brasil (CNB), divulgaram uma nota (veja abaixo) repudiando a condução do presidente estadual do PT, Augusto Lobato, na indicação de cargos para compor o governo Flávio Dino (PCdoB).

Semana passada, o PT foi contemplado com dois novos cargos: Terezinha Fernandes na Secretaria da Mulher e o delegado neopetista Lawrence Pereira na Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB).

Segundo a nota da CNB, o PT conduzido por Augusto Lobato perdeu autonomia e está submisso ao Palácio dos Leões. “O método do Governador de fazer indicação e o PT apenas acatar é uma clara demonstração da fragilidade do Partido na relação com o Governo. Não somos respeitados e nem considerados enquanto Partido Político, prevalecendo sempre a relação pessoal do Governador com alguns militantes petistas”, afirmou a CNB.

No fundo, o texto é um choro de derrotados. Depois de perder o comando da legenda, após a derrota de Roseana Sarney em 2014, a CNB tentou se aproximar do governo Flávio Dino em busca de cargos. Não conseguiu.

Ato contínuo, a CNB perdeu também a maioria no PT, ficando sem força para manobrar o partido de acordo com interesses clientelistas e fisiologistas pulsantes na maioria da tendência.

Sem cargos no governo Flávio Dino, só resta à CNB o lamento e as acusações infundadas contra o presidente Augusto Lobato, petista histórico que nunca se rendeu à oligarquia sarneísta.

A CNB mandava no PT do Maranhão atropelando todos os princípios da boa convivência democrática. Quando estava entranhado no governo Roseana Sarney (PMDB), o sarnopetismo nunca consultou o partido para indicar cargos e se locupletar, sob os auspícios do ex-vice-governador Washington Oliveira, o mais esperto de todos, premiado com o cargo vitalício de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) pelos “serviços” prestados a José Sarney.

Ao fim e ao cabo, a aliança entre o PT do Maranhão e José Sarney só serviu para desmoralizar o partido e humilhar a militância autêntica.

Quando veio a onda do impeachment de Dilma Roussef, o primeiro a trair o PT foi José Sarney, mandando a bancada federal do Maranhão votar a favor da cassação do mandato da presidente.

Em resumo, a nota da CNB só tem um objetivo: chantagear Flávio Dino com uma ameaça fajuta de candidatura própria do PT em 2018 para, em troca, negociar cargos no governo.

É apenas esse o apelo do último parágrafo da nota. Nada mais.

Mas, lá no fundo, é saudade dos “bons tempos” de Roseana Sarney

CARTA À MILITÂNCIA PETISTA DO MARANHÃO

07 de outubro de 2017.

Companheiros e companheiras,

Manifestamos nossa indignação em relação à forma como o Presidente do PT/MA, Augusto Lobato, tem atuado na condução do Partido, de forma subjugada, sem liderança, não reunindo a Executiva/Diretório e só acatando decisões externas, fragilizando imensamente a Direção Partidária.

Destacamos também que, em relação à indicação da companheira Terezinha Fernandes para a Secretaria Estadual de Mulheres do Maranhão, o Partido não reuniu, tampouco debateu internamente o seu nome, embora esta seja um quadro histórico do PT com potencial para conduzir a pasta. Ainda assim, desejamos à companheira sucesso na gestão e na luta em defesa das mulheres.

Sobre a indicação do Delegado Lawrence para a MOB, cabe destacar que o mesmo também não teve o seu nome levado à discussão interna do Partido. E, no caso dele, é bem verdade que nem poderia ter, uma vez que sua filiação nem sequer foi homologada pelo PT, o que demonstra que sua indicação é externa ao Partido. Seria mais ético da parte de quem o indicou (Sálvio Dino) esperar primeiro a sua nomeação na MOB para depois filiá-lo ao PT.

Tanto o Presidente do PT/MA, Augusto Lobato, como os membros da Articulação, no caso da MOB, poderiam trazer para o debate a indicação de vários(as) competentes companheiros(as) históricos(as) do Partido, tanto da capital quanto do interior, que têm servido somente para cumprir tarefa e carregar bandeira, sendo esquecidos na hora de ocupar cargos.

Pelo contrário, preferiram indicar uma pessoa estranha aos quadros do Partido, o Delegado Lawrence, que tem vínculo com outros partidos e vem exercer no PT o papel de cavalo de Troia camarada.

Cabe ressaltar que essas indicações não significam aumento de espaço do PT no Governo. Pelo contrário, o tempo nos mostrará que diminuiremos a nossa participação na gestão de Flávio Dino.

O método do Governador de fazer indicação e o PT apenas acatar é uma clara demonstração da fragilidade do Partido na relação com o Governo. Não somos respeitados e nem considerados enquanto Partido Político, prevalecendo sempre a relação pessoal do Governador com alguns militantes petistas.

Mesmo sendo a força que lidera 40% da Direção do Partido, a CNB não tem sido reconhecida na construção em torno da unidade partidária, muito menos em torno do projeto do PCdoB em 2018.

Talvez essa falta de reconhecimento à CNB seja pelo fato de sermos a única corrente que tem defendido o PT na Chapa Majoritária (Senador ou Vice-Governador) com o PCdoB em 2018, ou, ainda, por termos alguns companheiros já defendendo candidatura própria.

Sendo assim, solicitamos Reunião da Direção Partidária (Executiva/Diretório) para discutir as indicações supracitadas e a relação do PT com o Governo Estadual.

Saudações Petistas!

Atenciosamente,

Coordenação da CNB – MA

Scroll To Top